Compartilhar

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13

Siga

quinta-feira, 20 de julho de 2017

JUSTIÇA

PROTESTO PELA MORTE DO JOVEM ELVIS RESENDE ASASSINADO EM 08/07 PERCORRE RUAS DE BUÍQUE CLAMANDO POR JUSTIÇA

                                                     Fotos: Pc Cavalcanti

O protesto marcado para as 12h00min, teve início por volta das 12h41min da tarde desta quinta-feira 20/07 clamando por clareza e justiça no caso do assassinato do jovem Elvis Resende, 24 anos, ocorrido entre o sábado dia 08/07. Crime bárbaro que repercutiu nas redes sociais bem como em todo o território do município de Buíque e agreste pernambucano, levou dezenas de pessoas às ruas.

A manifestação foi ao mesmo tempo de apoio à família do jovem e teve grande participação popular de parentes, amigos, conhecidos, de pessoas que se sensibilizaram em solidariedade com o caso que deixou dúvidas na elucidação do caso. Sabemos que a polícia investigativa realizou um excelente trabalho, mas, existem dúvidas que ficaram soltas diante dos fatos que culminaram com a morte do jovem.

O movimento não foi uma afronta, e sim, para pedir mais clareza na elucidação e justiça pela morte do jovem já que até o presente momento ninguém foi preso ou responde pelo crime. De um lado a família do jovem se sente impotente diante das circunstâncias. Elvis teve seu corpo amarrado e arrastado por cerca de 300m, com visíveis sinais e requintes de crueldade.

A população teve conhecimento do caso e se manifestou nesta tarde diante de todo o ocorrido e principalmente pela frieza a qual tudo aconteceu. Muita gente ainda questiona por quais motivos Elvis foi assassinado. à frente da manifestação uma faixa estampava "JUSTIÇA POR ELVIS."



















Em nota informativa a polícia destacou em sua página no facebook que naquele dia o que houve foi “Um disparo de arma de fogo entre dois jovens”, onde para muitos ficou a interrogativa de que o crime foi considerado como “Um disparo de arma acidental”. Ao menos é o que todos entenderam, com estranheza.

Considerando os elevados índices de violência e crimes em todo o estado pernambucano que teve o seu primeiro semestre mais violento dos últimos anos. Não poderia a justiça e a polícia investigativa deixar um caso como este, impune e sobre brechas de interrogativas com relação aos fatos e a conclusão do caso. 

Familiares, amigos, o povo e a sociedade buiquense pedem por mais clareza e que a justiça prevaleça. Já que ninguém foi preso ou responde pelo ato desumano e criminoso que culminou com a vida do jovem Elvis Resende.


Os manifestantes caminharam pelas ruas do centro de Buíque entoando gritos de “JUSTIÇA” e o nome de Elvis. Em frente ao Fórum Dr. João Roma situado à Avenida Jonas Camelo, os mesmos permaneceram por alguns minutos aguardando a presença do Promotor, que segundo foi informado a todos estava em uma audiência impossibilitado de se ausentar.

Quatro representantes estarão retornando ainda hoje ao Fórum de Buíque para entregar em mãos ao Promotor de Justiça a Ata da manifestação bem como as faixas com pedido de justiça. Como o caso foi entregue pela polícia ao Ministério Público de Buíque, agora resta aos familiares, amigos, ao povo e à sociedade buiquense apenas aguardar o parecer final do caso.

Fotos: Pc Cavalcanti

quarta-feira, 19 de julho de 2017

POLÍCIA

Acusado de vários assaltos em Arcoverde é preso no Cabo de Santo Agostinho

A Polícia Civil através da Delegacia de Arcoverde, no Sertão pernambucano, sob a coordenação do Delegado Henrique Paiva, cumpriu um mandado de prisão preventiva expedido pela Vara Criminal local, em desfavor de Josué Almir da Silva, de 35 anos.  O preso é investigado pela prática de assaltos cometidos contra comerciantes na cidade de Arcoverde, tendo sido reconhecido por uma das vítimas do crime.

A captura ocorreu após vários dias de monitoramento do indiciado, que foi localizado na manhã de ontem (18), em sua residência situada no Cabo de Santo Agostinho. O imputado após ser interrogado foi recolhido ao Presídio Brito Alves, onde ficará a disposição da justiça.


Fonte: O Povo com a Notícia 


segunda-feira, 17 de julho de 2017

POLÍCIA

CRIMES QUE ATERRORIZAM E QUE APAVORAM



Nos últimos finais de semana a onda de violência aumentou consideravelmente em Buíque, Agreste de Pernambuco. Não seria para menos já que vivemos uma onda de violência com pouco contingente policial em todas as cidades. Sem suporte, faltando efetivo, viaturas para dar suporte, as pessoas se sentem inseguras nos atuais dias e não é só em Buíque, é em todo o estado pernambucano.

Os crimes aterrorizam e apavora a população que se sente acuada, a sensação é de medo, insegurança, não podemos mais confiar em todo mundo. O medo está tornando os cidadãos prisioneiros do próprio lar. 

Muita gente dorme e acorda com medo de assalto, da violência. Ninguém mais confia em ninguém.

Entre o sábado dia 08 e o domingo dia 09/07 -  03 (três) crimes de morte, homicídios estes que foram registrados na Zona Rural do município, sendo um no Sìtio Logradouro, da vítima Elvis, um no Sítio Façola, da vítima de alcunha Dainha, e outro no Sítio Ingazeira, da vítima Fábio.

E para completar, mais 01 (um) homicídio foi registrado na noite deste domingo último dia 16/07. A vítima, um jovem conhecido por Daniel de Dão que trafegava em uma moto pela Avenida José Emílio de Melo, foi seguida por um veículo não identificado e alvejado por disparo de arma de fogo nas costas, vindo a óbito no local.

Porém, o crime que mais impressionou e chamou a atenção da população buiquense foi o primeiro homicídio no Sítio Logradouro que teve por vítima o jovem Elvis Resende de 24 anos de idade. O jovem foi alvejado no rosto, teve seu corpo amarrado por rédeas de cavalo e foi arrastado por cerca de 300m do local onde possivelmente foi alvejado. Elvis era um jovem que não tinha intrigas, não tinha precedentes, era um estudante e família distinta de fazendeiro conhecido em toda região, considerado o braço direito do pai nos afazeres da fazenda.

A princípio, a polícia investigativa trabalhou com diversas linhas e critérios na tentativa de elucidar o crime o mais rápido possível, que na boca de muita gente parecia ter sido o “crime perfeito” de autoria e motivação desconhecida. Em nota divulgada pela polícia, a elucidação dos fatos pode parecer que foi disparo acidental.

NOTA INFORMATIVA DA POLÍCIA NO FACEBOOK

“O homicídio ocorrido no sítio Logradouro, da vítima Elvis, de repercussão na localidade, após diligências empenhadas pela equipe da Delegacia de Buíque, foi verificado que se tratou de disparo de arma de fogo envolvendo dois jovens da localidade, sendo a arma utilizada no crime apreendida e encaminhada ao IC para perícia.”

DIANTE DA ELUCIDAÇÃO DO CASO

Com a investigação encerrada, dúvidas pairam perante a sociedade buiquense, os amigos e principalmente diante dos familiares com relação aos reais motivos e requintes em que se deu o fato da morte do jovem Elvis Resende, que acreditam que o crime possa ter sido premeditado.

As informações dão conta de ter sido um disparo de arma de fogo, possivelmente no entender de todos que possa ter sido “acidental” e que foi cometido pelo próprio primo de Elvis, que é menor de idade. O disparo atingiu o rosto do jovem.
Sabemos que os peritos trabalharam muito na investigação de todos os casos e temos total respeito pelo trabalho de todos os que se empenharam para que tudo fosse elucidado o mais rápido possível. Todos os casos agora ficarão ao encargo do MP que vai analisar todas as provas e as analises dos peritos.

O que deixa interrogações no ar é a forma e a maneira, o fato de o corpo do jovem Elvis Resende, ter sido amarrado e arrastado por cerca de 300m do local. E isso deixa o caso bastante duvidoso pelos requintes e a estranheza com a qual foi encontrado o corpo do jovem.

Se foi acidental, por que o corpo foi amarrado e arrastado?
Alguém foi preso ou não?


INDIGNAÇÃO

Indignados com o fim das investigações e a elucidação do caso, parentes e amigos da vítima marcaram e realizarão uma manifestação e seguirão em passeata pelas ruas de Buíque clamando por JUSTIÇA. O ato terá início em frente á Igreja Matriz – Praça Major França na próxima quinta-feira dia 20/07 a partir das 12h00min.





TURISMO

PALESTRA DO SEBRAE HOJE EM 
BUÍQUE

Comerciantes, Comerciários, Empresários, empreendedores do município de Buíque terão a oportunidade de receber a partir das 19h00min no auditório da Escola Municipal engenheiro kleyson de Araújo a Palestra: “Qualidade no Atendimento ao Turista”.

Realizada pelo SEBRAE, a palestra tem como objetivo orienta, melhorar a qualidade no atendimento aos turistas que visitam a cidade, contando com apoio direto da A.C.B (Associação Comercial de Buíque) e da Prefeitura Municipal de Buíque. Setores empresariais bem como funcionários, representantes lojistas estão convidados a participar, a palestra é bastante enriquecedora e a entrada é gratuita para todos.


Na pauta da palestra serão abordados os seguintes temas:

*Serviço e postura no atendimento ao turista;
*O profissional do atendimento;
*Postura do profissional de turismo;
*Atividades positivas e obrigatoriedade;
*Qualidade no atendimento;
*Momentos decisivos ou da verdade;
*Regras de ouro do atendimento;
*Comunicação por telefone;
*Resolvendo “alguns problemas” (situações).

Serviço
Local: Escola Engenheiro Kleyson de Araújo (Antiga Recreação Infantíl).
Data: 17/07/2017
Horário de Início: 19h00min
Horário do Término: 21h00min
Realização: SEBRAE
Apoio: A.C.B (Associação Comercial de Buíque) e Prefeitura Municipal de Buíque.
Informações Adicionais: Sede da A.C.B na Rua Coronel Antonio Cavalcante, 118 – Centro.

quarta-feira, 12 de julho de 2017

POLÍTICA

Se até uma criança vê, imagine a mídia internacional que percebe o partidarismo de Moro

Os principais veículos jornalísticos do mundo listam nesta quarta-feira, dia da condenação de Lula, as grandes conquistas do ex-presidente enquanto governou o Brasil.

O britânico “The Guardian” destaca que Lula saiu da pobreza na infância para se tornar presidente da República duas vezes, sendo agora condenado no primeiro de cinco inquéritos.

Cita a sentença como um grande abalo para o “primeiro presidente da classe trabalhadora, que deixou o governo seis anos atrás com 83% de aprovação”

O jornal menciona que “o ex-líder sindical obteve admiração global por suas políticas de transformação social que ajudaram a reduzir a grande desigual social do maior país da América Latina”. Lembra também que Barack Obama se referia a Lula como o político mais popular da Terra.

A publicação britânica informa que a defesa já havia dito que apelaria de qualquer decisão, tendo afirmado continuamente que uma condenação seria perseguição partidária e que Moro é enviesado e motivado a condenar Lula por razões políticas. Moro nega as acusações, como o fez no início do depoimento prestado por Lula.

O “The Guardian” aponta também que a senadora Gleisi Hoffmann, presidente do partido, afirmou que a condenação serve para impedi-lo de se candidatar à presidência no ano que vem. E que o partido protestaria contra a decisão, confiante numa reversão da sentença.

O principal jornal do Reino Unido também observa que, apesar da condenação e outras acusações contra Lula, ele permanece como a figura mais popular entre os eleitores brasileiros, de acordo com as pesquisas recentes, e que ele manifestou querer concorrer novamente ao Palácio do Planalto ano que vem.

A expectativa do veredito de um recurso seria de oito meses, aponta a publicação. Analistas políticos ouvidos pelo jornal, dizem que a esquerda estará arrasada se Lula não puder se candidatar, tendo que encontrar uma nova liderança “sob a sombra que Lula deixou na política brasileira pelas últimas três décadas”. “A ausência de Lula abre um imenso vazio na cena política, o que cria um enorme vácuo na esquerda. Entramos agora numa situação de extrema tensão política, além de todo o caos que estivemos vivendo no ano passado”, disse o professor da FGV Cláudio Couto ao Guardian.

O periódico cita que os dois mandatos de Lula foram marcados por um “boom” nas commodities, fazendo do Brasil uma das economias que cresciam mais rápido no mundo, com “políticas externas ambiciosas”, alinhando o país a outras grandes nações em desenvolvimento e inseriu o Brasil no cenário mundial.

Com Lula, aponta o The Guardian, o Brasil contestou a política hegemônica do norte, engajando-se em problemas globais como a paz no Oriente Médio e o programa nuclear do Irã. Por outro lado, cita que com a saída de Lula e a eleição de sua sucessora, Dilma Rousseff, a economia do país piorou, com a nação agora começando a se emergir de sua pior recessão.

A presidente, cita ainda o jornal, foi derrubada “por quebra de regras orçamentárias”, sendo que ela e seus apoiadores dizem que sua queda foi, na verdade, um golpe orquestrado pelo vice e agora presidente Michel Temer, que enfrenta acusações de corrupção. O próprio The Guardian, em outros momentos, se referiu ao processo de impeachment como “dúbio”.

Durante o julgamento de Lula, cita o diário, o ex-presidente alegou sua inocência e que foi por sua política e não desvio de dinheiro público que ele está sendo julgado. “Mas o que acontece não me deprime, me motiva a ir além e falar mais. Vou continuar lutando”, disse Lula.

O francês “Le Monde” destaca a condenação, referindo-se a Lula como “ícone da esquerda” e lembrando que o ex-presidente permanecerá em liberdade enquanto houver possibilidade de recursos. Diz que a condenação complica suas chances de concorrer à presidência e que, apesar de alta rejeição, ele está no topo das intenções de voto.

O espanhol “El País” observa que, no ano passado, após o processo de impeachment, Lula se apresentava como salvação para o Brasil, em meio aos seus favoráveis resultados eleitorais, mas que logo o Ministério Público começou a apresentar denúncias contra ele. E que ele apelava para a emoção de seus seguidores contra a perseguição que sofria.

O “The New York Times” fala do ex-presidente como alguém “que teve enorme influência na América Latina por décadas”. O norte-americano também aponta as afirmações de Lula de que as acusações contra ele são uma “farsa”. E cita que o juiz Sergio Moro disse que as ações de Lula eram parte de um sistêmico esquema de corrupção: “O presidente da República tem enormes responsabilidades”. “‘Desse modo, sua responsabilidade’ é norme”.

Como o The Guardian, The New York Times também menciona o grande crescimento econômico durante os governos Lula, creditado como uma liderança que retirou da pobreza milhões de pessoas “numa das nações com maior desigualdade entre ricos e pobres no mundo”.

“Moro disse que Lula tentou intimidar a corte, o que o juiz argumentou que seria motivo para prendê-lo imediatamente. Mas, Moro escreveu ainda que achou ‘prudente’ deixar Lula permanecer livre para recorrer. Prendê-lo seria ‘traumático’, escreveu (o juiz)”, cita o jornal norte-americano.


A correspondente da BBC em São Paulo, Katy Watson, diz que Lula permanece um político popular e que a sentença vai dividir profundamente o Brasil.

Fonte: 



segunda-feira, 10 de julho de 2017

3º BUÍQUE FRIO

DIRETORIA DA A.C.B SE REUNE COM O DEPUTADO EDUÍNO BRITO (PP-PE) E O SECRETÁRIO DE TURISMO E CULTURA DO MUNICÍPIO DE BUÍQUE ACONTECEU NESTE DOMINGO

Na pauta da reunião promovida pela A.C.B (Associação Comercial de Buíque) neste último domingo – 09/07 com o Deputado Estadual Eduíno Brito (PP-PE) e com o Secretário de Turismo e Cultura Esildo Barros, sem sombra de dúvidas que foi o 3º BUÍQUE FRIO – QUEIJOS, VINHOS E MAIS SABORES que acontecerá nos dias 28, 29 e 30/07.

O local escolhido para o evento que começará todos os dias a partir das 18h00min é a Praça de Eventos que vai virar um verdadeiro espaço para apreciação de música de qualidade onde a população e os turistas poderão se reunir com amigos e familiares. Uma estrutura gastronômica irá atender ao vasto paladar de todos para que o público possa apreciar ainda mais e bem melhor a culinária local. 

Tudo foi pensado detalhadamente para tornar o Buíque Frio um evento aconchegante e bastante acolhedor para todos.

Uma superestrutura com palco, som, iluminação e tendas será montada no Pátio de Eventos São Sebastião para receber o público e os turistas com música de qualidade e shows ao vivo. 

No encontro que aconteceu neste domingo 09/07 entre a A.C.B o deputado Eduíno Brito e Esildo Barros, foram tratados detalhes para definir toda a estruturação do evento, acertar pontos de toda a estratégia de como se dará o Buíque Frio, já em seu terceiro ano.  

Ao que tudo parece, neste ano foi gerada uma expectativa enorme em cima do evento, muitos aguardam ansiosos que chegue logo.

Posteriormente estaremos trazendo mais informações dos bastidores e falando a respeito da programação oficial. Brevemente tudo será divulgado nos meios de comunicação local.


Aguardem!


quarta-feira, 5 de julho de 2017

POLÍTICA

Cunha e Funaro, juntos, fecham delação! Adeus, Temer
O ex-deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ) e o lobista Lúcio Funaro, simultaneamente, estão fechando delação premiada com capacidade de implodir o Planalto, o PMDB da Câmara, o grupo político que assaltou o poder, bem como o próprio Michel Temer.

O jornalista Severino Motta, repórter do BuzzFeed News no Brasil, detalha com exclusividade o roteiro das duas delações que deverão ser usadas para embasar a próxima denúncia a ser apresentada pelo procurador-geral da República, Rodrigo Janot, contra o presidente por acusação de obstrução da Justiça.
Abaixo, leia a matéria completa:

EXCLUSIVO: Eduardo Cunha e Lúcio Funaro já entregaram roteiro de delações que envolvem Temer

Próxima denúncia de Rodrigo Janot contra Temer deve ter depoimentos de ex-presidente da Câmara e de operador do PMDB. Eles dizem que estavam em silêncio enquanto recebiam dinheiro da JBS.

Citados na gravação de Joesley Batista com Michel Temer como beneficiários de um suposto esquema de pagamentos para ficarem calados, o ex-deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ) e o operador Lúcio Funaro estão concluindo simultaneamente acordos de delação premiada e devem começar a prestar depoimentos aos procuradores nos próximos dias.

As duas delações tendem a atingir o Planalto e o PMDB da Câmara, o grupo político de Michel Temer, e deverão ser usadas para embasar a próxima denúncia a ser apresentada pelo procurador-geral da República, Rodrigo Janot, contra o presidente por acusação de obstrução da Justiça.

Neste momento, o Planalto trabalha para reunir apoio da base para evitar a aceitação, pela Câmara dos Deputados, da denúncia contra Temer por corrupção passiva. O caso envolve a mala de dinheiro recebida pelo ex-deputado Rodrigo Rocha Loures.

Os investigadores e as defesas de Cunha e Funaro já estão negociando, separadamente, as cláusulas do acordo de colaboração, conforme o BuzzFeed apurou junto a fontes que participam dos processos.

Os cardápios das delações, uma espécie de roteiro das ilegalidades a serem descritas e os personagens envolvidos, já foram entregues pelas respectivas defesas.

Entre os fatos a serem narrados, os dois vão confirmar que, mesmo presos, continuaram a receber recursos dos esquemas de corrupção que participaram. Funaro já completou um ano na cadeia, Cunha foi preso em outubro do ano passado.

Entre os esquemas está o da JBS que, de acordo com o Ministério Público Federal com base na delação de Joesley, visava calar Cunha e Funaro em troca de dinheiro.

Um dos trechos mais fortes da gravação que Joesley fez da conversa com o presidente é sobre as “pendências zeradas” do dono da JBS com Cunha.

Para os investigadores, a referência era à propina para calar o ex-congressista no que teve um aval presidencial. Temer nega que tenha autorizado a compra do silêncio.

Devido aos repasses da JBS, os dois estavam em silêncio e relutavam em fechar acordos – realidade que, após o estouro da JBS e proximidade do fim do mandato de Janot, foi alterada.

Com o trabalho neste mês, investigadores que atuam no caso esperam deixar todo o material das delações pronto e entregar o acordo para homologação do Supremo Tribunal Federal nos últimos dias de julho.

Desta forma a homologação poderá acontecer no início de agosto e Janot conseguirá enviar a segunda denúncia contra Michel Temer pouco tempo depois da volta do recesso do Judiciário.

Ligação de Cunha e Funaro vem dos anos 1990

Operador muito conhecido no mercado de capitais de São Paulo, Lúcio Funaro é um profundo conhecedor do propinoduto que abasteceu o PMDB. O fato de ele e Cunha fecharem uma delação ao mesmo tempo não é surpreendente dada a ligação estreita entre os dois. Eles se conhecem há 20 anos.

Funaro foi o único delator da ação penal 470, o julgamento do mensalão. Foi por meio de uma empresa que ele controlava, através de laranjas, a Garanhuns Empreendimentos, que Funaro repassou R$ 6 milhões a Valdemar Costa Neto (PR-SP). Em troca de benefícios judiciais, operador admitiu os pagamentos ilegais ao então líder do PL.

Na época do mensalão, Cunha morava em um apartamento de Funaro sem pagar aluguel em Brasília e depois o operador pagou carros de luxo registrados em nomes de empresas do ex-deputado.

Funaro foi preso em junho do ano passado depois da descoberta do esquema de cobranças que ele operava, em nome de Eduardo Cunha, de empresas para ter acesso a empréstimos com juros abaixo dos praticados no mercado do fundo de investimento do FGTS.

No primeiro mandato de Dilma, o então poderoso líder do PMDB na Câmara emplacou a nomeação do executivo Fábio Cleto para uma vice-presidência da Caixa.

Segundo o Ministério Público, era Funaro quem vendia as promessas de facilidade no FI-FGTS a empresários, que depois eram efetivadas com a ação de Fábio Cleto, membro do conselho do fundo. Cleto virou delator.

Frieza e explosão

Diferente do ex-presidente da Câmara, que por seu estilo frio e distante não conversa muito com seus colegas de presídio, Funaro tem um temperamento explosivo.

Desde a prisão de sua irmã recebendo uma mala de dinheiro da JBS na operação Patmos (ela depois foi solta), Funaro não tem escondido dos presos com quem convive na penitenciária da Papuda sobre o que está acontecendo em sua vida.

A um dos detentos disse não só que ele e Cunha estão fechando termos dos acordos como falou que sua delação irá atingir de maneira muito forte o ministro Moreira Franco e o presidente Michel Temer.

O potencial de estrago de Funaro para o presidente vai além da denúncia de obstrução da Justiça. Foi o operador que esteve no escritório de José Yunes, amigo de 40 anos de Michel Temer, para entregar um pacote de dinheiro com propina da Odebrecht na campanha de 2014.

O episódio de Yunes receber dinheiro da Odebrecht foi revelado pelo BuzzFeed no ano passado e provocou a demissão do advogado do cargo que ocupava no Planalto. Depois, Yunes disse que foi uma espécie de “mula involuntária” de Eliseu Padilha, hoje ministro-chefe da Casa Civil.

Mesmo preso, Funaro já enviou recados incômodos ao Planalto. Temer já afirmou jamais ter se encontrado com o operador, que o desmentiu, numa entrevista à revista Veja por escrito, em março.

Prisão de Geddel foi amostra grátis de Funaro

Antes mesmo da homologação da sua delação, Funaro foi o pivô da prisão do ex-ministro Geddel Vieira Lima, um dos peemedebistas que pertenceram até pouco tempo atrás ao entorno do presidente Michel Temer.

Funaro contou à força-tarefa das operações Sépsis, Cui Bono e Greenfield, conduzidas pela Procuradoria da República no Distrito Federal, que Geddel estava procurando sua mulher, em São Paulo, para saber se o operador estava fechando um acordo de delação premiada.

O juiz Vallisney Oliveira, da 10ª Vara Federal de Brasília, decretou a prisão preventiva do ex-ministro e mandou apreender seus celulares. Na agenda de contatos da família Funaro, Geddel estava registrado sob o codinome “Carainho”.
Procurados, advogados de Eduardo Cunha disseram que a estratégia da defesa não mudou desde que ele foi preso. Eles negam que o seu cliente vá delatar.


Antonio Figueiredo Basto, que defende Funaro, disse que não vai comentar a defesa de seu cliente.

Fonte: Plantão Brasil

terça-feira, 20 de junho de 2017

CULTURA NAS FÉRIAS


Sesc Ler Buíque abre inscrições para cursos artísticos

Atividades serão realizadas durante o projeto Cultura nas Férias, de 3 a 7 de julho

As crianças e adolescentes que querem passar um período das férias escolares aprendendo com diversão, têm no Sesc Ler Buíque uma oportunidade. A unidade está com inscrições abertas para os cursos de canto coral, percussão e artes plásticas do projeto Cultura nas Férias, que será realizado de 3 a 7 de julho. O público-alvo são crianças a partir dos 8 anos e adolescentes com idades menores de 15 anos.

O curso de canto coral tem como objetivo despertar nos participantes o gosto pelo canto popular através de técnicas vocais para a formação de corais. São duas turmas: uma para crianças a partir dos 8 anos e outra para adolescentes a partir dos 14 anos.A primeira turma é gratuita e o horário das aulas é das 13h às 17h; já a segunda tem um custo de R$ 5 para dependentes de comerciários e de R$ 10 para o público em geral e o curso acontece das 19h às 22h.

Para quem curte a sonoridade dos batuques, o curso de percussão é a opção e visa aprimorar as técnicas rítmicas dos alunos. As aulas acontecem das 13h às 17h para crianças e adolescentes, dos 10 aos 15 anos. O curso é gratuito.

Para crianças dos 8 aos 12 anos, uma outra dica é o curso de artes plásticas que pretende descobrir o talento dos pequenos a pintura. As aulas também serão das 13h às 17h e são gratuitas.

“O Sesc Ler Buíque, prezando pela continuidade e expansão dos serviços de arte e cultura oferecidos à clientela, bem como ao público em geral, realiza no período das férias, quando a procura pelas atividades se intensifica, uma série de cursos voltados para o desenvolvimento artístico-cultural. A oferta de cursos, além de atender a demanda crescente nesse período, visa dar continuidade ao processo de sensibilização da comunidade buiquense para a arte, a cultura e o pensamento crítico”, enfatiza Gilvaneide Marques, professora de artes do Sesc Ler Buíque.

Serviço - Projeto Cultura nas Férias do Sesc Ler Buíque
Data: de 3 a 7 de julho
Local: do Sesc Ler Buíque
Informações: (87) 3855.2230

Cursos:
Canto Coral – a partir de 14 anos
Ritmo: canto popular
Instrutor: Airon Liberato
Horário: 13h às 17h
Inscrições: R$ 5 para dependentes dos comerciários e R$ 10para o público em geral

Canto Coral – a partir de8anos
Ritmo: Canto popular
Instrutor: Airon Liberato
Horário: 13h às 17h
Inscrições: Gratuito

Percussão– de 10 a 15 anos
Instrutor: Sergio Arlindo
Horário: 13h às 17h
Inscrições: Gratuito

ArtesPlásticas– de 08 a 12 anos
Instrutor: Jaqueline Aragão
Horário: 13h às 17h

Inscrições: Gratuito


FESTIVAL JUNINO

HOJE TEM ARRASTA PÉ

Festival de quadrilhas da Candeeiro Encantado promete esquentar a noite em Buíque no Bleskina Hall

Hoje a noite além das apresentações de quadrilhas juninas tem comidas típicas, muito forró tradicional e arrasta pé para ninguém ficar parado. A quadrilha o Grupo Cultural Candeeiro Encantado realiza o seu primeiro encontro de quadrilhas, é o Festival de Quadrilhas da Candeeiro Encantado que tem início às 18h de hoje.

Nas apresentações estarão participando, grupos de quadrilhas juninas de outras cidades. O festival é um bom atrativo para quem quer se divertir um pouco e apreciar as apresentações, degustar das comidas típicas juninas, aproveitar e aquecer a noite com muito forró.

A correria está grande desde a semana passada com os preparativos deste evento que promete esquentar a noite de 20/06 na cidade de Buíque. Os ingressos estão à venda lá no Bleskina Hall ao preço de R$ 5,00.

Corra que ainda dá tempo de você adquirir o seu ingresso!


Segundo os organizadores, a festa vai ter muitas surpresas e muito forró autêntico para que todos possam se divertir.


CULTURA - EXIBIÇÃO

DOCUMENTÁRIO PREMIADO SOBRE O COMPOSITOR JOÃO SILVA TERÁ SESSÕES NOS SESCS DE CARUARU, PETROLINA E ARCOVERDE

Grande vencedor do Cine PE no ano passado, com quatro troféus, “Danado de Bom” conta a história de um dos maiores parceiros de Luiz Gonzaga e autor de mais de 3 mil canções

Além do lançamento nos cinemas de todo país e de parceria com o SESC Pernambuco, longa-metragem ganha exibições especiais no circuito independente

O longa-metragem “Danado de Bom”, grande vencedor do Cine PE 2016, com os prêmios de melhor filme, fotografia, montagem e edição de som, chega aos cinemas no dia 29 de junho. O filme dirigido por Deby Brennand mostra a trajetória de João Silva, parceiro constante de Luiz Gonzaga e um dos principais compositores brasileiros, autor de mais de 3 mil músicas.  Além do circuito tradicional, o filme ganhará exibições em unidades dos Sescs em Pernambuco: Caruaru (22/06), Petrolina (04/07) e Arcoverde (07/07).  O trailer pode ser visto aqui: https://www.youtube.com/watch?v=qcx12d6761w.

“Conheci a história de João Silva no início de 2007 quando Roberta Jansen, produtora cultural, me procurou para contar sobre o projeto. Ela havia descoberto João através de um pesquisador e de imediato eu fiquei encantada com a história desse parceiro tão importante de Gonzaga que estava no completo esquecimento”, conta a produtora do filme, Marianna Brennand Fortes. “O João tinha um desejo muito grande de ser reconhecido, de voltar para os palcos e reencontrar seu público”, afirma.  

O documentário acompanha uma viagem de João de volta a Arcoverde, cidade onde nasceu, no agreste de Pernambuco. Ele relembra sua jornada, de menino andarilho, semianalfabeto, a compositor de sucessos como “Pagode Russo”, “Nem se despediu de mim” e “Danado de Bom”. “João Silva, além de ter sido um dos maiores parceiros de Gonzaga, foi produtor de seus discos de maior sucesso. Quando Gonzaga passava por um período difícil na carreira produziu o LP ‘Danado de Bom’. Foi a primeira vez que Gonzagão atingiu essa emblemática marca de um milhão de cópias vendidas”, conta Marianna.

Para ela, ficou claro desde o inicio do projeto a necessidade de promover um encontro de João com suas raízes. “Foi essa pesquisa, no sertão profundo, que nos apontou o caminho que o filme iria tomar.”

Em um momento posterior, foram escolhidos os entrevistados e o material de arquivo que iria compor o filme. “Fizemos com o pesquisador Antonio Venancio, um trabalho intenso de pesquisa de imagem e vídeo, juntando performances que foram sendo costuradas lindamente pela Jordana (Berg) para construir a história”, explica a produtora.  Jordana Berg, montadora do filme, reforça que João era ao mesmo tempo delicado e bruto, sensível e arretado. “Sua língua inventada, de um nordeste em desaparecimento foi uma das riquezas que tentei preservar na montagem”, diz.

Dominguinhos, Trio Nordestino, Elba Ramalho, Mariana Aydar, Zeca Baleiro, Gilberto Gil e Lenine participam do filme com depoimentos ou em interpretações das músicas de João Silva, que faleceu antes de ver o documentário finalizado. “É muito difícil lançar o filme sem a presença dele. Acredito que ele estaria emocionado, porque era o que ele queria, ser reconhecido como artista. Ele brincava muito comigo sobre isso”, lembra a diretora Deby Brennand.

Para Deby, a importância do filme está em se tratar de um artista que o Brasil “conhece sem conhecer”. “É um recorte importante para o cinema e para a música nacional valorizar um artista que compôs mais de 3 mil músicas ao longo da vida, e que sabia como ninguém captar o sentimento do povo sertanejo transformando em letras belíssimas suas dores, suas alegrias, seu cotidiano”, conta. “Muitas pessoas conhecem as músicas de forró dos grandes intérpretes, mas desconhecem de onde vem a letra e, muitas vezes, os arranjos. Os que conhecem a música “Pagode Russo”, por exemplo, acham que a música e a letra são do Gonzaga”, completa a diretora.

“Danado de Bom” é uma coprodução entre Mariola e Inquietude, com direção de Deby Brennand. Marianna Brennand Fortes assina produção do filme, assim como a produção executiva com Carolina Benevides, e Roberta Jansen é a produtora associada. Além da participação no Cine PE, o filme foi exibido nos festivais É Tudo Verdade, 8º IN-EDIT Brasil (Menção Honrosa do Juri), 9º Festival de Cinema de Triunfo (Melhor Longa-metragem da Mostra Competitiva Nacional e Melhor Trilha Sonora pelo Júri Popular)

SERVIÇO

Danado de Bom
(Brasil, documentário, 74min, 2016, Mariola e Inquietude)
Lançamento nos cinemas: 29 de junho

PROGRAMAÇÃO SESC PERNAMBUCO

SESC Caruaru
22/06/2017, às 19h30
Teatro Rui Limeira Rosal
R: Rui Limeira Rosal, s/n, Petrópolis.
Tel: (81) 3721-3967

SESC Petrolina
04/07/2017, às 19h
Teatro Dona Amélia
R: Pacífico da Luz, 618, Centro.
Tel: (87) 3866-7474

SESC Arcoverde 
07/07/2017, às 20h
Teatro Geraldo Barros
Av. Capitão Arlindo Pacheco de Albuquerque 364, Arcoverde – PE

Tel: (87) 3821-0864


Link

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...