sábado, 16 de maio de 2015

LIDERANÇA

Aviões do Forró grava jingle "Primorosa"



A margarina Primor, marca líder no Nordeste, lançará em breve uma campanha com foco nesta região do país. Por ser do Nordeste e ter uma relação muito próxima com o púbico local, a banda Aviões do Forró é escolhida para gravar o jingle “Primorosa”, que valoriza a mulher nordestina. O novo jingle é uma verdadeira homenagem às mulheres nordestinas e foi criado com base em uma pesquisa realizada pela marca para se aproximar ainda mais destas consumidoras e entender suas necessidades.
Solange Almeida e Xand Avião acabam de gravar a música no estúdio da banda, em Fortaleza - CE. O clima da gravação foi bastante descontraído e a banda se identificou com o tema. Solange se considera uma mulher primorosa, que faz tudo com amor e capricho, ou seja, faz tudo com Primor: “Nós somos mulheres nordestinas, modernas e sempre queremos servir o melhor para as pessoas que a gente ama”. Acrescentou.
Sobre prestigiar as mulheres nordestinas e primorosas, Xand elogia: “Elas merecem e muito esse carinho!  São caprichosas, amorosas, têm dedicação”. Os artistas também comentam sobre seus pratos favoritos: Olha, uma carne de sol com macaxeira cozida e margarina Primor por cima, é algo irresistível!”, diz Xand. Já Solange comenta que ama cozinhar: “Quando estou de folga cozinho para os meus filhos. Adoro preparar tapioca para o café da manhã, e depois finalizar com um toque de Primor... huummnn!”, deleita-se a cantora.
A campanha de Primor será lançada em uma das épocas mais importantes para os nordestinos: as festas de São João, que movimentam as capitais e as cidades do interior, durante os meses de maio e junho. 
CRÉDITO FOTOS: Nara Fassi

Sobre a Bunge
Presente no Brasil há 110 anos, a Bunge é uma das principais empresas de agronegócio e alimentos do Brasil e uma das maiores exportadoras. Atua de forma integrada, do campo à mesa do consumidor. Desde a compra e processamento de grãos (soja, trigo e milho), produção de alimentos (óleos, margarinas, maioneses, azeite, arroz, farinhas de trigo, molhos e atomatados), serviços portuários até a produção de açúcar e bioenergia. Eleita empresa mais sustentável do agronegócio pelo Guia Exame de Sustentabilidade, a Bunge conta com cerca de 20 mil colaboradores, atuando em mais de 100 instalações, entre fábricas, usinas, moinhos, portos, centros de distribuição e silos, em 17 estados e no Distrito Federal. Marcas como Delícia, Salada, Soya, Salsaretti, Primor, Cardeal e Bunge Pro estão profundamente ligadas não apenas à história econômica brasileira, mas também aos costumes, à pesquisa científica, ao pioneirismo tecnológico e à formação de gerações de profissionais.

Informações para a imprensa:
In Press Porter Novelli Assessoria de Comunicação

MAIO AMARELO

OPERAÇÃO LEI SECA NA CIDADE DE GARANHUNS

Como parte da programação das atividades do Maio Amarelo Regional, que visa conscientizar a sociedade para a segurança no trânsito, estão sendo realizadas blitz da Operação Lei Seca. No último domingo (10) o comando esteve em conjunto com a Polícia Rodoviária Federal, na BR
423, em Garanhuns.


As atividades do Maio Amarelo estão sendo realizadas nos 21 municípios que fazem parte da V Gerência Regional de Saúde, inclusive a GERES esteve na Operação Lei Seca do final de semana. As ações são coordenadas pelo Comitê Regional de Prevenção a Acidentes de Transportes Terrestres.

Luiz Melo, da regional de saúde registra: "Nosso comitê agrega
diversas instituições nas áreas de trânsito, saúde e educação, e desta integração surgem as ações preventivas e também de fiscalização.


Contamos com as secretarias dos municípios e também com órgãos como o DETRAN, Conselho Tutelar, as Polícias, a AMSTT e o Hospital Regional Dom Moura, entre outros. Os acidentes tomaram proporção de epidemia, e somente com a união das instituições e conscientização da população conseguiremos combater este grave problema social".


Eliane Silva, que participou da ação da Operação Lei Seca
representando a V GERES, afirma que outras ações como palestras, distribuição de panfletos e adesivos, ações em escolas e com mototaxistas estão sendo realizadas sob a coordenação do Comitê Regional.

LEI SECA

Na operação do domingo foram fiscalizados 203 veículos, sendo emitidas seis autuações por embriaguez ao volante e outras 21 autuações por diversas infrações ao Código de Trânsito Brasileiro.

Participaram desta ação agentes da PRF, da Polícia Militar e do
Departamento Estadual de Trânsito, bem como funcionários da Secretaria Estadual de Saúde e da V Gerência Regional de Saúde de Garanhuns.


Com informações do Núcleo de Comunicação da Polícia Rodoviária Federal



quinta-feira, 14 de maio de 2015

OS PROBLEMAS DA TERCEIRIZAÇÃO

SAÚDE

Ministério da Saúde esclarece procedimentos sobre a vacina contra a dengue

·         O Ministério da Saúde analisa, continuamente, as diversas pesquisas, no Brasil e no mundo, que buscam desenvolver vacinas contra a dengue, com o objetivo de conhecer seu estágio de desenvolvimento e as possibilidades de uma futura incorporação no país.

·         O Ministério da Saúde tem apoiado, de forma decisiva, o fortalecimento dos produtores públicos nacionais de vacinas, utilizando o poder das compras centralizadas para o SUS, como garantia de processos de transferência de tecnologia e parcerias de desenvolvimento produtivo desses produtores com laboratórios internacionais. Vale ressaltar que essa política tem possibilitado aos laboratórios nacionais a produção de vacinas como a de influenza, HiB, pneumocócica, rotavirus, tetraviral, HPV e tantas outras. Como a prioridade absoluta é adquirir as vacinas dos produtores nacionais, o Ministério só faz compra no mercado internacional quando esses imunobiológicos não são produzidos no Brasil ou quando os laboratórios nacionais enfrentam problemas em sua produção.

·          Para a vacina contra a dengue, o Ministério da Saúde tem acompanhado e apoiado os esforços de desenvolvimento realizados pelo Instituto Butantan e por BioManguinhos, que atualmente encontram-se em diferentes estágios.

·         Ainda não há nenhuma vacina contra dengue licenciada em qualquer país. A Anvisa  recebeu, em 31 de março, o primeiro pedido, em todo o mundo, de registro de uma vacina contra a dengue produzida pelo laboratório Sanofi. Essa solicitação está sendo analisada, com todo o rigor técnico que se exige para que uma vacina possa ser aplicada em população humana, principalmente por se tratar de produto inédito.

·         Se registro for concedido pela Anvisa, o produto pode ser utilizado, entretanto isso não significa que sua introdução no Sistema Único de Saúde.

Após o processo de registro, essa vacina, como qualquer outro produto ou tecnologia, será avaliada pelos Comitês Técnicos Assessores em Imunizações e em Dengue, do Ministério da Saúde, que reúnem especialistas e sociedades científicas e, ainda, pela Comissão Nacional de Incorporação de Tecnologias no SUS (Conitec). Nessa análise levam-se em conta todas as evidências científicas disponíveis para estabelecer se a incorporação é vantajosa do ponto de vista da saúde pública, analisando-se, além da segurança e da eficácia, o custo-efetividade, o impacto epidemiológico esperado, o protocolo e estratégia de utilização do produto e o impacto orçamentário que será produzido. Esses parâmetros são utilizados em todos os mecanismos de avaliação de incorporação de novas tecnologias que existem em países desenvolvidos.
·         A vacina contra a dengue que está em desenvolvimento pelo Instituto Butantan ainda não completou todos os estudos necessários para solicitar o registro do produto na Anvisa. Essa vacina encontra-se em processo de finalização do ensaio clínico de fase 2, que deve estar disponibilizado para análise no final de junho. Nessa etapa, busca-se garantir a segurança da vacina para a população e avaliar a resposta dela ao vírus.

·         O Instituto Butantan solicitou à Anvisa, no dia 10 de abril, análise do processo de ensaio clínico de fase 3. Esse estudo, que visa comprovar a segurança e eficácia do produto, tem sua realização obrigatória para que se conceda, após sua conclusão, o registro da vacina. O Ministério da Saúde solicitou à Anvisa prioridade na análise do processo da fase 3. Após essa autorização, o Instituto Butantan poderá iniciar essa fase final de estudo.

·         O Ministério da Saúde tem se preparado para estabelecer as estratégias de utilização de vacinas de dengue, quando estiverem disponíveis. Com o apoio de uma rede de pesquisadores brasileiros, estão sendo estudadas as prevalências de cada sorotipo da doença nas diversas regiões do país, para estimar quais os grupos prioritários a serem vacinados. Esses estudos, realizados em 63 cidades brasileiras, são pioneiros em escala internacional e fornecerão uma base científica consistente para uma futura utilização racional de vacinas contra a dengue.

·         Mesmo com a possibilidade de contar, no futuro, com uma vacina contra a dengue, o combate ao Aedes aegypti continuará como uma prioridade de saúde pública, seja porque as vacinas poderão ter eficácia limitada, seja porque outros vírus, como o Chikungunya e o Zika, também podem ser transmitidos por esse mesmo mosquito.

·         As ações de combate ao vetor que são realizadas pelo poder público e pela sociedade são efetivas para reduzir a população de mosquitos transmissores e evitar epidemias de dengue, quando são adotadas de maneira permanente. Da mesma maneira, a boa preparação da rede de atenção à saúde, com divulgação dos protocolos elaborados pelo Ministério da Saúde entre os profissionais de postos, centros de saúde, UPAs e emergências públicas e privadas, é capaz de evitar casos graves e mortes. 


Fonte: Ministério da Saúde

sexta-feira, 8 de maio de 2015

SAÚDE

DIA D
Ministério da Saúde realiza dia de mobilização contra a gripe neste sábado em todo o país
Em Porto Alegre, a ação contará com a presença do ministro da Saúde, Arthur Chioro. No Brasil serão mais de 65 mil postos de vacinação e 240 mil profissionais

Um dia dedicado à mobilização de gestores, de profissionais da saúde e da população contra a gripe. Essa é a ideia do Dia D que será realizado neste sábado (09) em todo o Brasil para promover a vacinação contra a doença. Em Porto Alegre, o Dia D contará com a presença do ministro da Saúde, Arthur Chioro, e será realizado na Usina do Gasômetro. A ação faz parte da Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe e tem o objetivo de vacinar 80% do público-alvo, formado por 49,7 milhões de pessoas. Serão mais de 65 mil postos de vacinação abertos durante o sábado, que contarão com cerca de 240 mil profissionais e 27 mil veículos terrestres, marítimos e fluviais. A campanha acontece até o dia 22 de maio.

O Ministério da Saúde adquiriu, para a realização da campanha, mais de 54 milhões de doses da vacina aos estados para garantir a meta de vacinar, pelo menos, 39,7 milhões de pessoas do grupo prioritário, ou seja, parte da população que tem mais riscos de desenvolver complicações causadas pela doença. São elas: crianças de seis meses a cinco anos incompletos; pessoas com 60 anos ou mais; trabalhadores da saúde; povos indígenas; gestantes; puérperas (mulheres até 45 dias após o parto); população privada de liberdade; e funcionários do sistema prisional.

Também serão vacinados portadores de doenças crônicas não-transmissíveis ou pessoas com outras condições clínicas especiais. A definição dos grupos prioritários segue a recomendação da Organização Mundial de Saúde (OMS), além de ser respaldada por estudos epidemiológicos e pela observação do comportamento das infecções respiratórias. São priorizados os grupos mais suscetíveis ao agravamento de doenças respiratórias.

A vacina disponibilizada na rede pública em 2015 protege contra os três subtipos do vírus da gripe determinados pela OMS para este ano (A/H1N1; A/H3N2 e influenza B). A vacina  é segura e também é considerada uma das medidas mais eficazes na prevenção de complicações e casos graves de gripe. Estudos demonstram que a vacinação pode reduzir entre 32% e 45% o número de hospitalizações por pneumonias e de 39% a 75% a mortalidade por complicações da influenza.

Como o organismo leva, em média, de duas a três semanas para criar os anticorpos que geram proteção contra a gripe, é fundamental realizar a vacinação no período da campanha para garantir a proteção antes do início do inverno. O período de maior circulação da gripe vai do final de maio até agosto.

Para receber a dose, é importante levar o cartão de vacinação e o documento de identificação. As pessoas com doenças crônicas, ou com outras condições clínicas especiais, também precisam apresentar prescrição médica especificando o motivo da indicação da vacina.  Pacientes cadastrados em programas de controle no SUS deverão se dirigir aos postos em que estão registrados para receberem a dose, sem necessidade de prescrição médica.

A vacina contra a gripe foi adquirida por meio da Parceria para o Desenvolvimento Produtivo (PDP) entre o Instituto Butantan e o laboratório privado Sanofi. O acordo, intermediado pelo Ministério da Saúde, permitiu que Instituto Butantan dominasse todas as etapas de produção da vacina. Foram investidos R$ 487,6 milhões na aquisição das doses para a campanha deste ano.

MEDIDAS DE PREVENÇÃO – A transmissão dos vírus influenza ocorre pelo contato com secreções das vias respiratórias que são eliminadas pela pessoa contaminada ao falar, tossir ou espirrar. Também acontece por meio das mãos e objetos contaminados, quando entram em contato com mucosas (boca, olhos, nariz). À população em geral, o Ministério da Saúde orienta a adoção de cuidados simples como medida de prevenção, tais como: lavar as mãos várias vezes ao dia; cobrir o nariz e a boca ao tossir e espirrar; evitar tocar o rosto e não compartilhar objetos de uso pessoal.

Em caso de síndrome gripal, a recomendação é procurar um serviço de saúde o mais rápido possível. A vacina contra a gripe não é capaz de eliminar a doença ou impedir a circulação do vírus. Por isso, as medidas de prevenção são tão importantes, particularmente entre os meses de junho e agosto.

Também é importante lembrar que, mesmo pessoas vacinadas, ao apresentarem os sintomas da gripe - especialmente se são integrantes de grupos mais vulneráveis às complicações - devem procurar, imediatamente, o serviço médico. Os sintomas da gripe são: febre, tosse ou dor na garganta, além de outros, como dor de cabeça, dor muscular e nas articulações. Já o agravamento pode ser identificado por falta de ar, febre por mais de três dias, piora de sintomas gastrointestinais, dor muscular intensa e prostração.

REAÇÕES ADVERSAS – Após a aplicação da vacina pode ocorrer, de forma rara, dor no local da injeção, eritema e enrijecimento. São manifestações consideradas leves, cujos efeitos costumam passar em até 48 horas.  A vacina é contraindicada para pessoas com história de reação anafilática prévia em doses anteriores ou para pessoas que tenham alergia grave relacionada a ovo de galinha e seus derivados. É importante procurar o médico para mais orientações. 
Com Informações de: Camila Bogaz e Carlos Américoda Agência Saúde.
Chapéu de Palha cadastra trabalhadores de Mata Sul
As inscrições poderão ser feitas entre os dias 11 e 15 deste mês
 em 28 municípios da região
Os trabalhadores rurais da Zona Canavieira da Mata Sul poderão se inscrever no Chapéu de Palha a partir da próxima segunda-feira (11). O Governo do Estado, através da Secretaria de Planejamento e Gestão, atenderá 28 municípios da região, finalizando o cadastramento dos trabalhadores da palha da cana de açúcar neste ano. As inscrições podem ser feitas até o dia 15.
Em abril, foram inscritos no programa 10,7 mil trabalhadores da Zona Canavieira da Mata Norte. No ano passado, o programa beneficiou 29,2 mil pessoas na Zona da Mata, sendo 17,4 mil na Mata Sul.
Além da Zona Canavieira, o Chapéu de Palha tem outras duas frentes: a Fruticultura Irrigada e a Pesca. Na primeira, o programa atende de 9.897 agricultores em sete municípios do Sertão. A primeira etapa do cadastramento dos pescadores do Agreste e do Sertão foi concluída no último dia 30, com 2.685 pessoas inscritas, um número 14% superior em relação ao ano passado. A segunda etapa do cadastramento, nos municípios do Litoral, será realizada entre os dias 25 e 28 deste mês.
O horário de atendimento para o cadastro será das 9h às 17h nos sindicatos dos trabalhadores rurais de cada município. Para se cadastrar no programa, o trabalhador deve atender os seguintes critérios: ser maior de 18 anos e residente de um dos municípios atendidos pelo Chapéu de Palha na região; ser trabalhador (a) rural da palha de cana que tenha trabalhado na última safra (2014) por pelo menos 30 dias corridos, com registro formal. Também serão considerados os trabalhadores dispensados no período de 1º de janeiro de 2012 até 15 de maio, desde que tenham exercido exclusivamente a função de trabalhador rural.
No ato do cadastramento, é preciso ter em mãos originais e cópias dos documentos de Identidade, CPF, comprovante de residência ou declaração do sindicato de comprovação de residência, carteira de trabalho, além do número do PIS ou do NIS (cartão do Bolsa Família ou Cartão Cidadão) e o contrato de rescisão referente à última safra trabalhada.
Os beneficiários do Chapéu de Palha receberão quatro parcelas de até R$ 246,45, complementares ao valor recebido pelo programa Bolsa Família, e poderão participar de cursos de capacitação. Caso o trabalhador cadastrado prefira indicar uma pessoa do seu núcleo familiar para fazer uma das atividades oferecidas pelo Chapéu de Palha, também deve levar, no momento do cadastro, CPF e comprovante de residência do indicado (original e cópia). Os cursos são realizados em parceria com as seguintes secretarias estaduais: Educação; Meio Ambiente e Sustentabilidade; Agricultura e Reforma Agrária; Trabalho, Qualificação e Empreendedorismo e Mulher. A coordenação geral do Chapéu de Palha é da Secretaria de Planejamento e Gestão (Seplag).
O Programa - Implementado pela primeira vez na gestão do ex-Governador Miguel Arraes, o Chapéu de Palha foi resgatado para atender aos trabalhadores rurais da palha da cana e suas famílias, na região da Zona da Mata, durante o período da entressafra da cana de açúcar. Hoje, o Programa tem três frentes de atendimento: o Chapéu de Palha da Fruticultura, da Cana de Açúcar e da Pesca. Funciona com a coordenação da Secretaria de Planejamento e Gestão e várias secretarias envolvidas para a realização de atividades educativas, de reflorestamento, emissão de documentos, entre outras ações com foco na melhoria da qualidade de vida do trabalhador. Em 2012 foi premiado pela Organização das Nações Unidas (ONU). Em Nova York, o ex-governador Eduardo Campos recebeu o prêmio como um reconhecimento às ações governamentais que contribuem para a inclusão social.
Para mais informações: 0800 282 5158.
Chapéu de Palha da Zona Canavieira 2015 – Cidades atendidas na Zona da Mata Sul:
Água Preta, Amaraji, Barra de Guabiraba, Barreiros, Belém de Maria, Bonito, Cabo de Santo Agostinho, Catende, Chã Grande, Cortês, Escada, Gamaleira, Ipojuca, Jaboatão dos Guararapes, Jaqueira, Joaquim Nabuco, Maraial, Palmares, Primavera, Quipapá, Ribeirão, Rio Formoso, São Benedito do Sul, São José da Coroa Grande, Sirinhaém, Pombos, Tamandaré e Xexéu.

Com Informações: Secretaria de Planejamento e Gestão.

PACTO PELA VIDA

Governador anuncia pacote para fortalecer
e ampliar o Pacto pela Vida

Entre as medidas, um concurso com 2.366 vagas para as políticas, reposicionamento de câmeras e ações de ressocialização
O governador Paulo Câmara anunciou, nesta quinta-feira (7), no Palácio do Campo das Princesas, um pacote de ações para fortalecimento e ampliação do Pacto pela Vida, programa que completa oito anos amanhã. Entre elas, a realização de um concurso público com 2.366 vagas para as polícias, o reposicionamento do sistema de câmeras para potencializar o videomonitoramento em três regiões do Estado, além da implantação de políticas públicas na área de ressocialização para crianças e jovens em medidas socioeducativas.
"O Pacto salvou nove mil vidas. É um programa que vem sendo aprimorado constantemente. Só tem um segmento que é contra o Pacto pela Vida, que é a bandidagem - esse nós queremos que fique contra mesmo. Vamos diminuir a bandidagem no nosso Estado! Sei que a sociedade civil vai continuar nos ajudando a trabalhar em favor de um Pernambuco mais seguro, mais justo, mais igual e de um Estado que chegue a todos", cravou Paulo Câmara.
Ao enaltecer o esforço de todos que fazem o Pacto pela Vida, o chefe do Executivo pernambucano ressaltou que não é fácil trabalhar com segurança pública em um Estado sem muitos recursos. "E Pernambuco tem mostrado ao Brasil que é possível avançar nessa área. Fomos o único estado do Nordeste brasileiro nos últimos oito anos que conseguiu diminuir o número de homicídios; mais de 30% de redução", argumentou Câmara.
CONCURSO - De acordo com o governador, ainda este ano será lançado um edital para realização do concurso público para os órgãos operativos da Secretaria de Defesa Social. Serão oferecidas vagas para a Polícia Militar (1.500 soldados), Polícia Civil (500 agentes e 50 escrivães) e Polícia Científica (316 cargos). Já está em andamento outro certame do tipo para a seleção de 100 delegados.
“Os concursos da área de segurança são realizados em várias etapas, que exigem tanto prova escrita quanto treinamento; além de exames médicos e investigação social. Eles estarão prontos para, a partir de 2016, ingressarem em nossos quadros”, explicou Paulo Câmara, lembrando que no próximo ano Estado e União devem estar com as finanças em melhor situação.
SEGURANÇA - Na área de Segurança, figura entre as ações anunciadas pelo governador o remanejamento, sem custo, de 100 câmeras, que deixarão postes de sete metros e serão instaladas na cobertura de edifícios. Com isso, o videomonitoramento no Estado será potencializado de um raio de 400 metros para até três quilômetros.  Além da Região Metropolitana do Recife, o processo de elevação das câmeras será feito nas cidades de Caruaru (Agreste) e Petrolina (Sertão do São Francisco).
Secretário de Defesa Social, Alessandro Carvalho ressaltou que o Estado usará cada vez mais a tecnologia no combate ao crime. "Não é possível que a polícia esteja em todos os locais a todo tempo. Mesmo que um planejamento seja feito para atendimento de um policiamento preventivo, quando aquela viatura se envolve numa ocorrência ela tem que conduzir os detidos até a central de plantões. Então, o reposicionamento dessas câmeras e sua tecnologia nos permitirá detectar situações de risco real ou potencial, e orientar o atendimento rápido das viaturas da PM”, esclareceu o secretário.
Ainda nesse segmento, Paulo Câmara assinou um termo de cooperação técnica para a prestação de assistência jurídica integral e gratuita, pela Defensoria Pública do Estado, em processos judiciais criminais. O serviço será oferecido aos policiais militares e civis, além de bombeiros militares, que não possuam condições financeiras de custear as despesas processuais e os honorários advocatícios. 
CIDADANIA - Entre as medidas anunciadas na área de Cidadania, está a oportunidade de emprego, dentro do Estado, para crianças e jovens atendidos em regime socioeducativo. A medida foi assegurada através da alteração de dois artigos do decreto nº 34.003/2009.

Com a nova redação, a legislação prevê a contratação de adolescentes e jovens aprendizes que cumprem ou cumpriram medidas socioeducativas de prestação de serviço a comunidade, liberdade assistida, de semiliberdade ou de internação executada pela Fundação de Atendimento Socioeducativo (Funase). Além disso, a nova redação determina que cada órgão e entidade do Poder Executivo possa contratar aprendizes em número correspondente a no máximo 30% do total de servidores, empregados públicos ou militares do Estado.

Ex-interno da Funase, o jovem Harisson Augustinho, 18 anos, que cumpriu medida socioeducativa de liberdade assistida, testemunhou a importância da ação. Exercendo, atualmente, atividades administrativas na Junta Comercial de Pernambuco (Jucepe), ele foi enfático ao afirmar que se sente "muito grato" pela "oportunidade sem igual".  O jovem também conclamou os empresários pernambucanos a se engajarem. “Que outras empresas também ajudem os jovens, numa mobilização social. Todos juntos podem ajudar. Acredito que os jovens são o futuro do Brasil, de Pernambuco e do mundo", comentou.
A segunda medida instituiu, por meio de uma lei assinada pelo governador, o Incentivo Vida Nova, destinado a usuários do Programa Vida Nova - Pernambuco Acolhendo a População em Situação de Risco de Rua. A legislação determina a concessão de auxilio no valor de até R$ 200 por mês, a ser recebido de acordo com a frequência por turno dos jovens inseridos no Centro da Juventude Adolescente ou Centro da Juventude Adulto-Jovem. A seleção será feita pela equipe do Serviço Especializado para População em Situação de Rua (SEPOP-RUA).
SELO - Por fim, ainda na área de Cidadania, a solenidade também marcou o lançamento o Selo Pacto pela Vida de Prevenção Social, que será concedido à pessoas físicas e jurídicas que implementem ações de inclusão social da criança e da juventude, ou que contribuam para garantir oportunidades de emprego e inserção social a adolescentes e jovens, egressos ou que estejam submetidos aos sistemas socioeducativo e prisional, bem como os beneficiários do Programa Atitude. Com validade de um ano, a contar da publicação da certificação em veículo de comunicação oficial, o selo poderá ser renovado.

"Essas três medidas são o início da construção de um processo de fortalecimento do Pacto. É importante também ver o lado social, da prevenção, da cultura de paz, do estabelecimento da lógica de que todos nós temos responsabilidade nesse processo, não apenas as polícias. A sociedade precisa estar motivada e mobilizada", afirmou o secretário de Desenvolvimento Social, Criança e Juventude, Isaltino Nascimento.

Informações:  Secretaria de Planejamento e Gestão.

quinta-feira, 7 de maio de 2015

FONOAUDIOLOGIA

Fonoaudiólogas da UPAE Garanhuns oferecem informações à população para prevenir problemas com a voz‏‏‏


A UPAE Professor Antônio Simão dos Santos Figueira, em Garanhuns, tem se notabilizado por uma interatividade com a população que vai além das consultas, exames e cirurgias. Com um trabalho voltado à informação, os profissionais da Unidade estão constantemente participando de entrevistas em emissoras de rádio e realizando atividades junto aos pacientes, que possam ajudar na prevenção de doenças, e repassando informações sobre os cuidados com a saúde que possibilitem uma vida melhor.

Durante o mês de abril, quando se comemorou o Dia Mundial da Voz (16/04), a UPAE Garanhuns realizou diversas atividades com a participação dos profissionais da área. Os pacientes e acompanhantes receberam informações direta das especialistas, a exemplo das fonoaudiólogas Dra. Sandra Nayara e Dra. Anaírda Fernandes, também a Assistente Social, Dra. Valderez Barbosa.

Integrando a programação, as fonoaudiólogas estiveram concedendo entrevistas em rádio, no Programa Manhã Total, da Rádio Marano em Garanhuns, onde tiraram dúvidas dos ouvintes em um bate-papo descontraído com o radialista Marcos Cardoso. "Profissionais da voz precisam de atenção especial, mas para a população em geral, algumas dicas são importantes como evitar o fumo, álcool, dormir bem, não fazer esforços vocais como falar em tom de voz que concorra barulho, etc. E um conselho importante é sempre beber água, se possível dois litros diariamente, em intervalos durante o dia." - Afirmou Dra. Anaírda Fernandes, entre outras dicas de uma hora de entrevista na emissora de rádio.

A UPAE Garanhuns atende pacientes dos 21 municípios da V Regional de Saúde, em consultas reguladas pelas secretarias municipais, após os pacientes passarem pelas unidades de saúde mais próximas de suas casas.
  
Para saber mais:
UPAE Prof. Antônio Simão dos Santos Figueira
Rodovia BR 423 km 96,8 - Magano - Garanhuns - PE
Coordenação Geral: Dr. Gustavo Amorim
Fone: (87) 3764.9000

Fonte de Informação:
Ronaldo Cesar Carvalho
VOX COMUNICAÇÃO

quarta-feira, 6 de maio de 2015

CASO DE CRIANÇA VIOLENTADA FOI ELUCIDADO

CASO DE POSSÍVEL ESTUPRO EM BANHEIRO DE UNIDADE CRECHE ESCOLA FOI ELUCIDADO
Segundo postamos anteriormente o caso da menina ter sido estuprada supostamente conforme relatos da própria gestora da criança, o caso foi elucidado. Reiteramos aqui que as informações fornecidas ao nosso Blog foram repassadas anteriormente pela própria genitora da criança.

Sabemos que foi um transtorno só gerando polêmicas, mas graças a DEUS que tudo foi elucidado e conforme havíamos informado, acompanharíamos o caso e da mesma forma com a qual postamos a situação, viemos a informar a toda população buiquense que nada procede conforme o relato da mãe da criança. Tomamos o ato e a circunstância como um momento de desespero da mesma, mas assim sendo fica a informação para esclarecimento de todos os leitores que, acompanhada pelos conselheiros tutelares, Jear Marcelo,  Jamyssom Lucas e Werlles Padilha, e conduzida ao Instituto Medico Legal (I.M.L) em Caruaru. Criança passou por exames sexológicos, onde o médico de plantão na referida unidade deu o seguinte diagnóstico.

Um laudo deverá ser entregue na DP  onde foi lavrado o B.O, nos próximos 15 dias, ficou concluído que não houve nenhuma tentativa de abuso sexual contra a criança dentro ou fora da unidade Creche Carolina Guedes de Almeida em Buíque, o fato é que os  sintomas vermelhados e os ardores na genital da criança foram causados devido à  assaduras na região que não estava sendo  higienizada como deveria de ser em assaduras de crianças.


Descartando todas e quaisquer possibilidades de estupro ou coisa do tipo.

Deixamos bem claro de que não há culpados neste caso apenas descuido, falrta de higiene. 

Queremos aqui nos desculpar se causamos algum transtorno para qualquer uma das partes envolvidas neste caso e informar a todos que estamos abertos para qualquer esclarecimento por parte da direção unidade de ensino caso queiram se pronunciar, nossa página encontra-se à disposição.

Como disse antes em outras postagens, a verdade apenas é o que nos interessa.

Pedimos mais uma vez desculpas caso tenhamos causamos algum transtorno em publicar a matéria.


Fonte de Informação Complementar: Blog GiroSocialB

terça-feira, 5 de maio de 2015

VIOLÊNCIA SEXUAL CONTRA CRIANÇA EM CRECHE DE BUÍQUE

Série: Buíque Babilônia


INFÂNCIA ROUBADA


Já falamos de muitos assuntos, solicitamos urgência em muitas das situações do caos instaurado dentro e fora da cidade de Buíque, mas desta vez a série Buíque Babilônia trata de algo muito sério e ainda mais que simplesmente uma solicitação, é uma denuncia gravíssima.

Temos a certeza de que a notícia vai chocar a muitos Pais, não costumamos ser sensacionalistas, apenas inserimos noticias no intuito de brevemente serem solucionadas.

Na semana que antecede o DIA DAS MÃES, deparamo-nos com uma situação no mínimo estarrecedora nesta segunda-feira 04/05 quando fomos informados de algo terrível que aconteceu dentro de uma das unidades escolares municipal na sede do município de Buíque.

Uma menina de apenas 03 anos de idade foi estuprada, ou seja, abusada sexualmente dentro da unidade Creche Carolina Guedes de Almeida situada no Bairro Frei Damião. As informações que nos foram repassadas a princípio estavam desencontradas e assim sendo, entramos em contato com a mãe da criança que confirmou o abuso sofrido por sua filhinha.

Ainda seguindo a mãe da criança, a polícia civil e o conselho tutelar foram acionados. No tocante dos fatos e conforme relatou à senhora, que manteremos o nome em sigilo para não atrapalhar a investigação, a criança foi vista por um médico local conhecido que confirmou se tratar de estupro.

A menina não soube relatar o nome e quem foi o autor, mas deu alguns detalhes do ocorrido e relata que realmente foi dentro da unidade que se deu o fato com exatidão.

Alertamos todos os Pais para que tenham atenção redobrada com suas crianças. Até o momento não há nenhuma suspeita, ninguém foi indiciado, mas a mãe abriu um boletim de Ocorrência.


Vamos aguardar agora o caminhar das investigações e o desfecho deste caso gravíssimo, acompanhando o passo a passo, pois, quaisquer informações o Blog BUÍQUE DA GENTE estará repassando para os leitores de nossa página e de nossa fã Page.


Link

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...